domingo, 31 de dezembro de 2006

Intervenção na Assembleia de Freguesia de Rio Tinto

Aproveitando o período reservado às intervenções do público, o Movimento em Defesa do Rio Tinto fez-se ouvir na Assembleia de Freguesia de Rio Tinto, realizada a 21 de Dezembro p.p. e viu as suas recomendações serem aprovadas pela Assembleia depois de transformadas em proposta de um dos deputados eleitos.

A Assembleia de Freguesia de Rio Tinto manifestou-se receptiva à ideia de integrar a requalificação da bacia hidrográfica do rio Tinto no Plano de Acção do projecto "Futuro Sustentável" (que carece de candidatura ao QREN), tendo em vista a conservação e recuperação de várias zonas verdes ribeirinhas.

É o caso da conservação da zona verde e rural entre o Meiral e Areias (Pego Negro), potencial extensão do futuro Parque Oriental da cidade do Porto e da recuperação do Moinho da Vitória na Levada e do aglomerado ribeirinho junto ao Horto de Vila Cova, polos de um futuro Centro de Interpretação Ambiental.

As sugestões do movimento, que a Assembleia de Freguesia acolheu, referem ainda a necessidade de uma intervenção urgente nas áreas aluviais e de risco de cheia que emende erros cometidos e apontam para a construção de caminhos ou vias pedonais junto às margens.

Este esforço, que se estende à limpeza das margens e do leito do rio, terá maior visibilidade com a criação de um dia consagrado ao Rio Tinto, que sirva de mobilização civica dos riotintenses, e ganhará outra dimensão se acompanhado, como previsto, de campanhas de sensibilização e de educação ambiental destinadas à comunidade escolar e às populações ribeirinhas.

O Movimento em Defesa do Rio Tinto congratula-se pelo facto da Assembleia de Freguesia de Rio Tinto ter, prontamente, acolhido a proposta que o movimento apresentou na reunião de 21 de Dezembro p.p., dando também, desta forma, um exemplo de como é possível que a intervenção dos cidadãos possa ter eficácia para além da simples manifestação periódica do voto.

Apresentamos os nossos cumprimentos.
Rio Tinto, 23 de Dezembro de 2006
Movimento em Defesa do Rio Tinto

1 comentário:

Paulo A Pereira da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.