quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

Um pato-real no Rio Tinto


No decorrer da visita a Rio Tinto realizada no passado dia 16 de Dezembro e que reportamos em post anterior, foi avistado um pato-selvagem, que flutuava nas águas, perto de um açude.

Segundo o Engº Teiga, que orientava a visita,haveria hipóteses diversas para a presença da ave neste local.

Talvez andasse a explorar as condições para uma eventual instalação por ali.

Ou já escolhera essa zona para se alimentar e eventualmente residir.

Ou, então, passou por ali ocasionalmente, vindo, quem sabe, do Parque da Cidade do Porto, que dista poucos quilómetros e onde há dezenas destes e outros animais.

Entretanto, na imagem, também são visíveis detritos pendurados na vegetação das margens e que, não serão certamente, o melhor cartão de visita para qualquer ser que queira fixar residência nesta área.

Mas, a presença do pato, ali, naquele dia e naquela hora, foi uma excelente oportunidade, sobretudo para os mais jovens que nos acompanhavam, para imaginar quão importante seria salvar este rio da poluição e outros atentados, para que readquirisse a punjança viva que já teve em outros tempos.

11 comentários:

Luiz Pinto disse...

É a prova de que o rio ainda vive e tem salvação. Desentubamento já!

Mila disse...

Ora aqui está uma causa merecedora de uma luta ferrenha.
Andamos anos e anos cegos, sem querer acordar, mas a Natureza deu-nos “um” grande grito de raiva e lá nos lembramos que se tem de fazer qualquer coisa para reverter todo este desalinho provocado durante décadas.
Mesmo estando longe (Moita –Setúbal) vou dar o alerta através de Email a todos os meus contactos, penso que seja um contributo positivo para que essa luta continue.
Vou continuar a passar por aqui

Macro disse...

Dia 10 de Março decorrerá no lugar da Levada (um dos bonitos troços que poderão vir a enobrecer a cidade de Rio Tinto) uma acção de limpeza das margens do rio. Apelamos à divulgação e participação das pessoas, pois é pelo exemplo e acção concreta que transmitiremos à população vizinha e aos riotintenses em geral o nosso empenho na concretização deste enorme desafio. Nada se consegue sem trabalho e esforço.
Mais informações para breve.

Movimento em Defesa do Rio Tinto disse...

Obrigado, Mila!
A divulgação do nosso projecto já é uma excelente forma de colaboração.

Claudia Sousa Dias disse...

Aqui vai um abraço solidário ao Sr. Pato Selvagem


CSD

Erecteu disse...

Camaradas,
O COM MENTA tá em qualquer uma que seja a defesa o ambiente.
Deste rio também estará, naturalmente, acrescida a razão de ser tinto, verde ou maduro não interessa.

Passem por lá espreitem o maltratado Sado no link Alcácer do Sal.
Um abraço entre rios. Quem sabe uma geminação?

Ana Patudos disse...

Pelos vistos em Portugal existem tantos rios assim...
O Homem não respeita a natureza e daí virão graves consequências .
Aqui em Alpiarça existe um rio de seu nome Rio Alpiarça ou como é mais conhecido " Vala de Alpiarça".
Sofre graves atentados, entre eles uma etar que lhe devolve toda a porcaria e dejectos humanos e tudo o mais que se possa imaginar. Temos uma zona que deveria estar ecológicamente protegida , uma zona de paúis onde diversas aves nidificam , mas onde essa tal etar despeja porcaria a toda a hora por não estar bem vedada.Para além de caçadores e motos todo o terreno, fazerem a vida dos animais que aí habitam, num verdadeiro inferno. Aí existe uma fauna e flora fantásticas , mas não se consegue fazer nada . As pessoas ainda não estão sensiveis a estas coisas do ambiente, enfim...
Força na vossa luta que também é de todos nós.
abraço
Ana Patudos

Movimento em Defesa do Rio Tinto disse...

À Cláudia o pato agradece o abraço solidário.

Erecteu, apesar do rio ser tinto, també, nã enjeitamos o branco.
E já sabemos que o Sado é companheiro das nossas desgraças.

Ana, obrigado pelas suas palavras e pelo seu incentivo.
Infelizmente os atentados como os que acontecem com o nosso pequeno rio, multiplicam-se por esse mundo fora.

avelana disse...

por aqui temos o rio Massueime
e no que pudermos colaboramos na defesa de medidas para preservação do meio ambiente ...é essa a nossa função, uma delas...

Um abraço

Movimento em Defesa do Rio Tinto disse...

Obrigado , Avelana, pela visita e pela disponibilidade.

O Futuro...é já amanhã. disse...

Ainda hoje após a acção de limpeza o vi...belo, coçando a asa ao Sol, como satisfeito com aquilo que via.
Ainda hoje dia 10, recebo a noticia que o pato morreu! Eram cerca de 17 horas ,o pato foi atingido por um pedra arremeçada a curta distancia, por dois jovens, sem qualquer razão aparente que não a vontade de matar, de destruir. Esboaçou, caiu à água e foi arrastado por estas.
Ficamos mais pobres, mas não te vamos esquecer e a melhor forma de o fazer é prosseguir os nossos objectivos e concerteza muitos virão para perpetuar a tua imagem.
Nota: Faço publicar apenas hoje esta noticia para não quebrar a alegria de um dia Feliz como foi o de ontem.

José Carlos Sousa